16 de fevereiro de 2014

São Paulo - Maravilha de Litoral 4 - Paraty/RJ

Ops! O que faz uma postagem acerca de uma visita ao Rio de Janeiro titulada como São Paulo Maravilha de litoral?! Bem, é sempre bom registrar que Paraty já é em território carioca, mas... é bem pertinho de Ubatuba/SP, então vale a pena uma esticadinha para um passeio um pouco mais cultural. Mas foi tudo na mesma ida, na mesma estada, então conta um passeio dentro de outro. Parati fica uns 100 km de distância de Ubatuba/RS e por ser uma cidade histórica famosa, fomos dar um passeio por lá. A cidade sedia anualmente a Festa Literária Internacional e que este ano será realizada de 30 de julho a 3 de agosto/2014, em período de inverno Carioca... Inverno Carioca???? 18ºC preparem-se para o frio! kkkk Parati guarda encantos maravilhosos, de uma época desconhecida para nós, mantém vivos os casarões, as Igrejas delicadamente esculpidas. As ruas de Parati são feitas de pedras, irregulares pedras, por onde não podem transitar carros, os calçamentos chamados "pé-de-moleque" porque foram construídos pelos meninos escravos. 

Muitas casas foram sedes de filmagens de novelas e minissérie de época, e hoje abrigam comércio de artesanato, roupas e, claro, cachaça! Lá nos primórdios da história Parati chegou a contar com 250 engenhos de cana-de-açúcar e consequente larga produção de aguardente! Hum, e claro que nós passamos em alguns alambiques para degustar suas belezas e "importar" para o sul algumas destas relíquias! 


    

Nós optamos por fazer 2 passeios por lá: Um de charrete, com o Tiago, conhecido por DJ Neguinho e outro de barco para conhecer a orla e as ilhas com o Marinheiro Benedito!! Dois passeios muito legais. A charrete passeia pelos principais pontos da cidade, Igreja Nossa Senhora dos Remédios, a casa do Roberto Marinho onde foram filmadas muitas minisséries e novelas, Pousada do Sandi, Prédio da Marinha Mercanti, mostra alguns os símbolos maçônicos. 












Já o passeio de barco entre as ilhas da costa é um fenômeno natural a parte! Lindíssimo!  O passeio é cobrado por hora, e claro, quando você chega na cidade já tem pessoas lhe abordando para marcar o passeio com preços de "tabela" ou seja, mais altos que os tratados com os próprios donos dos barcos, diretamente no cais. Ali no cais, você consegue preços bem mais razoáveis. Uma dica boa, é que nesta época do ano, lá para cima, já não é mais tão alta temporada assim, então a cidade não estava lotada e a procura por passeios estava bem baixa. Assim, conseguimos um precinho bem legal com o marinheiro Benedito, que foi muito camarada durante todo o passeio, ia nos falando sobre os lugares e as belezas que estávamos presenciando. Você pode ir onde quiser, claro, já que estamos pagando por hora, lembra?



Nós fizemos uma paradinha para banho, almoço e aquário, e já consumiu um pouco mais de 3 horas. A parada para banho foi rápida uns 15 minutinhos, pois tínhamos que almoçar e não sabíamos o tempo que o restaurante levaria para servir a quentinha! Então, fique esperto, deixe para se banhar depois de fazer o pedido do almoço! O restaurante que almoçamos não era muito variado, mas servia porções de camarão, peixe, peixe, peixe, peixe... arroz e, claro, batata frita (para mim...) então ficou todo mundo feliz. Mas... só aceita pagamento em dinheiro, nada de cartões, vá prevenido para não ter que ficar lavando pratos! Visitamos também um lugar que eles chamam de aquário onde podemos dar comidinha para os peixinhos e vira uma festa marinha!

     







Na volta do passeio ainda fomos agraciados com a presença de golfinhos na baía, vários deles faziam acrobacias lindas!
Foto: Luciano Reis
Na volta do passeio de barco, foi a hora das comprinhas pelas lojas do centro histórico, era mais final da tarde e o sol já não castigava tanto, pois estamos falando de temperaturas em torno 40ºC durante o dia!

O foi um dia fantástico com um ESPETACULAR final de tarde!!


Aqui tem mais sobre Paraty: http://www.paraty.com.br/historia.asp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Suas OPINIÕES e EXPERIÊNCIAS também são bem vindas! Vem Comigo!